A Metamorfose

Chegou a hora de tomar a atitude.

Aquela que eu pensei que fosse um pesadelo (ou uma piada bem sem graça).

Desconcertado. Cabreiro. Sentindo mistura de tristeza e raiva.

O que faz você ficar assim?

Reuniões inúteis? Esquecer algo em casa já estando longe de lá? A chegada do seu priminho?

Enfim, pronto…

Agora, devo ser um novo homem. Todos os dias. Sem falhar. Sem remédio.

Pronto para o dia D. Com as facas nas mãos.

Abraço,

Zé Rubens

Esse post foi publicado em Formação e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s